A arte é parte do currículo escolar e subir ao palco é a culminância de todo um trabalho de preparação que envolve professores, alunos, pais e comunidade escolar.

      Criatividade, expressão cênica, musicalidade com humor e alegria foram as marcas deixadas pela diversidade dos talentos apresentados nestas noites. Os alunos, artistas em cena, constroem histórias a partir de obras literárias, fazendo novas leituras, novas adaptações, contextualizando com aspectos de humor, com crítica da realidade sociocultural, enfim, ressignificando conhecimentos, produzindo cultura.

      O exercício de coletividade, a valorização do talento e da arte de cada um, a elaboração do conjunto que se revelou no placo e encantou a platéia é fruto das sementes que há décadas são cultivadas pelos educadores do Menino Deus e hoje frutificam com sabor de sensibilidade, de criticidade, de conhecimento interpessoal e intrapessoal e de alegria contagiante. Saborear a vida recriá-la, reinventá-la pelo exercício saudável da arte que humaniza. Parabéns a todos que colaboraram para mais este espetáculo de FAPEC!